27 de setembro de 2021

Fisioterapeutas orientam sobre a postura ideal no Home Office

Profissionais dão dicas valiosas para quem passa horas em frente ao computador. Postura correta é essencial para evitar dores e lesões

Mais de um ano após o início da pandemia de coronavírus o sistema de Home Office ainda tem muitos desafios a serem superados, entre eles a maneira mais produtiva e confortável para trabalhar sem prejudicar a saúde.

A fisioterapeuta Andréa Couto, supervisora de fisioterapia da S.O.S. Vida (BA), destaca que  antes de tudo é preciso preparar o ambiente de trabalho, que deve ser bem iluminado, arejado, organizado e, de preferência, separado dos outros cômodos da casa. Além disso, a cadeira deve ser confortável e adequada para a atividade. Deve ser mantida uma distância confortável entre a tela e os olhos e estes precisam estar alinhados com o monitor.

Fisioterapeutas orientam sobre a postura ideal no Home Office

Andréa diz ainda que as pernas precisam estar apoiadas no chão, em um ângulo de 90 graus e a cadeira deve ser regulável, tanto na altura quanto no braço para garantir o apoio necessário. Quem não segue as recomendações pode ter dor nas costas, na coluna cervical, nos braços e nos dedos.

“Se não tratar, pode até evoluir para uma compressão cervical (mais conhecida como hérnia de disco)”.

Principais queixas

Uma pesquisa do Centro de Estudos em Planejamento e Gestão de Saúde da Fundação Getúlio Vargas (FGVSaúde), com cerca de 500 brasileiros, revelou que as principais queixas de quem trabalha em casa são: aumento de dores nas costas (58%) e no pescoço (75%), fadiga ocular (55%), perda de sono (55%) e dores de cabeça (53%).

Andréa Couto ressalta ainda que fazer paradas programadas é importante.

“Faça pequenas pausas durante o dia. É aquele momento entre uma atividade e outra para respirar, espairecer e voltar à atividade novamente. Outro ponto importante é a organização da alimentação. Faça três paradas durante o home office. Duas para um pequeno lanche e a pausa para o almoço. Evite comer nas estações de trabalho”.

A especialista lembra que não é recomendável mudar o local estabelecido para as atividades profissionais dentro de casa. Trabalhar deitado na cama, por exemplo, é péssimo para o corpo, que fica em uma posição inadequada e nada ergonômica, o que prejudica também a produtividade.

Leia também: Cuidados para evitar a queda de idosos | TV Aratu

Ela diz que é possível fazer algumas adaptações para melhorar a postura. Se, por exemplo, não houver uma cadeira na altura ideal, é possível colocar um apoio nos pés para formar o ângulo de 90 graus. Da mesma forma, colocar livros embaixo no notebook para que ele fique na altura ideal.

Mas, se mesmo seguindo todas as orientações de ergonomia o indivíduo sentir dores no corpo, a fisioterapeuta diz que o primeiro passo é procurar um médico ortopedista, que vai fazer o diagnóstico e indicar o tratamento, entre eles natação, massagem e fisioterapia.

Alongamento é essencial

Ana Carolina Lopes, líder da equipe de fisioterapia da filial de Sergipe da S.O.S. Vida, reforça as orientações da colega e recomenda parar pelo menos duas vezes ao dia nas jornadas de oito horas.

Ela destaca ainda que nos casos de lesão, e dependendo do grau, é preciso até fazer cirurgia. Para essas situações, a fisioterapia será um cuidado necessário para a boa recuperação do indivíduo. Outro aspecto importante é que lesões e patologias independem de gênero. Ana Carolina explica que o que gera a lesão muitas vezes não é a sobrecarga, mas o esforço repetido. Ou seja, independe de a pessoa ser forte ou fraca, ser homem ou mulher.

“Às vezes é um movimento simples, que a pessoa nem se cansa, mas que se for repetido o dia inteiro por muitos anos pode desencadear uma inflamação no tendão ou no músculo”.

A fisioterapeuta também alerta para os riscos da automedicação para quem sente dores devido a esforços repetitivos. “O remédio vai mascarar a dor, não vai resolver o problema”. Dessa forma, quando a pessoa for procurar um médico a lesão já estará muito pior do que quando iniciou.

fisioterapeutas comentam a postura no home office

Deixe um comentário

Assine a nossa Newsletter e receba conteúdos sobre Saúde e Home Care