Conheça a S.O.S Vida
Apresentação / Vídeo Institucional Nossa Estrutura Núcleo Científico Conceito Linhas de Pesquisa Orientação para Pesquisadores Produções Prata da Casa Artigos / Estudos Certificação de Qualidade
Nossos Serviços
Internação Domiciliar Cuidados Paliativos Ambulatório Oncologia Centro de Infusão de Medicamentos Especiais - CIME
Saiba Mais
Notícias Informativos Dicas
Contato
Ouvidoria Trabalhe Conosco Contato

Quatro pacientes da S.O.S. Vida tiveram neste domingo, 18,uma manhã diferente, com direito a banho de mar, uso de óculos de sol e protetor solar. Eles participaram do projeto “Para Praia”, em Ondina, iniciativa que propicia a pessoas com dificuldade de locomoção o contato com o mar. A S.O.S. Vida mobilizou uma equipe multidisciplinar (formada por médicos, enfermeiros, técnicos e fisioterapeutas) para garantir a seus pacientes essa experiência.

Participaram Valnei Pereira dos Santos, Marcelo Rosas Andraus, Dulcinéia Trindade e Caio Moreno Mello. A primeira a entrar na água foi Dulcinéia Trindade, 80 anos, acompanhada de profissionais da S.O.S. Vida, voluntários do projeto e familiares. Estava acompanhada da filha, Adnéia Trindade, e de outros parentes. A paciente é portadora de AVCH e tem várias comorbidades, como Miastenia Gravis, glaucoma e é traquestomizada. Locomove-se em cadeira de rodas, é lúcida, orientada e possui uma válvula fonatória para comunicar-se.

O paciente Caio Moreno Mello, 23 anos, estava acompanhado da mãe, Tereza Mello, e outros familiares. Ela conta que ele adora ir à praia e demonstra isso desde o momento em que acorda. “Fica muito feliz e ansioso para chegar logo no mar”, conta a mãe, que o leva há muitos anos à praia. Caio tem uma doença rara, chamada Síndrome de Van DerKnaap, que, entre outros aspectos, compromete a coordenação motora.

Outro paciente que aproveitou o banho de mar foi Marcelo Rosas, portador de Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA). Ele estava acompanhado da mãe, esposa e irmãos. Uma das mais emocionadas era a esposa Wu SinVul, que chegou a chorar quando o mar tocou os pés de Marcelo. Ela disse que estava muito feliz, pois desde que o marido contraiu a doença, há 17 anos, ele não ia à praia. A mãe, Marialva Rosas, 86 anos, também estava muito feliz pelo filho. Ela conta que ele faz fisioterapia duas vezes ao dia e que não tem oportunidade de sair de casa, pois é dependente de equipamentos essenciais para a vida.

O paciente Valnei Pereira dos Santos também foi um estreante na praia desde que contraiu a ELA, há quase cinco anos. De acordo com a irmã, Vânia Pereira, Valnei gostava muito de praia e também de futebol. É torcedor fanático do Vitória e ela espera que um dia ele possa ser levado ao Barradão pela S.O.S. Vida para assistir a uma partida de seu time do coração.

Essa foi a quarta vez (a segunda este ano) que a S.O.S. Vida mobiliza sua equipe de assistência para proporcionar esse tipo de experiência. Na visão da médica Jamile Silva Brito essa ação é extremamente positiva para os pacientes, que estão lúcidos e orientados, podendo desfrutar de um banho de mar. “As famílias também se emocionam”, lembrou ela, acrescentando que essa iniciativa deveria acontecer mais vezes.

A ação faz parte da política da S.O.S. Vida de cuidar de forma integral, proporcionando que seus pacientes participem, na medida do possível, de atividades do dia a dia.

Na visão de Carla Gabriela, assistente social da S.O.S. Vida, para pacientes que têm pouco contato com o ambiente externo, esta é uma forma de evitar o isolamento social. “E o contato com a praia traz um novo vigor e mais qualidade de vida”.

A enfermeira da S.O.S. Vida Verena Ribeiro também elogia a iniciativa. Para ela, os pacientes muitas vezes têm uma rotina estressante, com medicamentos e fisioterapia. “A ida à praia é revigorante, renova as energias e traz alegria”, diz ela.

O projeto “Para Praia” é uma iniciativa da prefeitura em parceira com várias empresas durante o verão. A estrutura montada inclui pistas especiais para o acesso dos cadeirantes, tendas de preparação e cadeiras anfíbias, que facilitam o trajeto na areia e flutuam no mar. Vários voluntários participam, a maioria estudantes e profissionais da área de saúde.

 

Empresa afiliada:

Associação Nacional de Hospitais Privados Anahp

Empresa afiliada:

Nead

Empresa Acreditada:

Joint Commission International (JCI)

ONDE ESTAMOS
SALVADOR - BAHIA
Av. Dom João VI, 152, Brotas, CEP: 40.285.001
Salvador - Bahia - Brasil
71 3277 8004
ARACAJU - SERGIPE
Rua Itabaiana, 952, São José, CEP: 49.015.110
Aracaju - Sergipe - Brasil
79 3712 7904
© Todos os Direitos Reservados - S.O.S VIDA