Conheça a S.O.S Vida
Apresentação / Vídeo Institucional Nossa Estrutura Núcleo Científico Conceito Linhas de Pesquisa Orientação para Pesquisadores Produções Prata da Casa Artigos / Estudos Certificação de Qualidade
Nossos Serviços
Internação Domiciliar Cuidados Paliativos Ambulatório Oncologia Centro de Infusão de Medicamentos Especiais - CIME
Saiba Mais
Notícias Informativos Dicas
Contato
Ouvidoria Trabalhe Conosco Contato

Quanto mais precoce for a inserção do cuidado paliativo, menor o sofrimento dos pacientes submetidos a esse tipo de tratamento. Quem afirma é a médica Maria Goretti Sales Maciel, diretora do Serviço de Cuidados Paliativos do Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual de São Paulo. Segundo a especialista, o cuidado paliativo não remete, necessariamente, a uma proximidade com a morte. “É um conjunto de ações que devem ser iniciadas logo que se tenha o diagnóstico de uma doença que ameace a vida, como o câncer, por exemplo”.

 

Maria Goretti será uma das palestrantes da III JONAD (Jornada Nacional de Atenção Domiciliar), que será realizada no dia 26 de maio, a partir das 8h30, no Hotel Sheraton, em Salvador, uma promoção da S.O.S. Vida. Ela vai abordar o tema: “Terminalidade – A arte de integrar cuidados para sustentabilidade da qualidade de vida e de morte”.

 

De acordo com a médica, integrar cuidados significa um “caminhar junto” ao paciente, que deve ser olhado como um todo. “Isso inclui ações que possam dar conta do sofrimento físico, emocional e espiritual”, destaca a especialista, reafirmando que esse tratamento não é uma sentença de morte.

 

Ela afirma que tem pacientes no Hospital do Servidor Público há 8 anos, com qualidade de vida e sem sofrimento. “Não sobreviveria tanto tempo se não fossem os cuidados paliativos”.

 

A especialista diz ainda que essa prática começa aos poucos a ser mais difundida no Brasil, sendo tema de congressos e seminários da área médica.

 

Para finalizar, Maria Goretti destaca que o convívio familiar é muito importante nesses casos e que o cuidado paliativo não pode ser uma decisão de última hora, mas uma ação planejada, no curso da doença. “As pessoas não precisam passar por sofrimentos desnecessários”, conclui.

Empresa Acreditada:

Joint Commission International (JCI)

Empresa afiliada:

Associação Nacional de Hospitais Privados Anahp

Empresa afiliada:

Nead

ONDE ESTAMOS
SALVADOR - BA
Av. Dom João VI, 152, Brotas, CEP: 40.285.001
Salvador - Bahia - Brasil
71 3277 8004
ARACAJU - SE
Rua Itabaiana, 952, São José, CEP: 49.015.110
Aracaju - Sergipe - Brasil
79 3712 7904
BRASÍLIA - DF
SHN Quadra 02, nº 87, Bloco F, Sala 818
Ed. Executive Office Tower – Asa Norte, CEP: 70.702.000
Brasília - Distrito Federal - Brasil
61 3771 5490
© Todos os Direitos Reservados - S.O.S VIDA