Conheça a S.O.S Vida
Apresentação / Vídeo Institucional Nossa Estrutura Núcleo Científico Conceito Linhas de Pesquisa Orientação para Pesquisadores Produções Prata da Casa Artigos / Estudos Certificação de Qualidade
Nossos Serviços
Internação Domiciliar Cuidados Paliativos Ambulatório Oncologia Centro de Infusão de Medicamentos Especiais - CIME
Saiba Mais
Notícias Informativos Dicas
Contato
Ouvidoria Trabalhe Conosco Contato

O crescimento da população mundial, aliado ao aumento da expectativa de vida, vem provocando uma diminuição gradativa no número de leitos hospitalares. O Brasil conta hoje com 2,3 leitos disponíveis para cada 1000 habitantes, quando a recomendação da Organização Mundial da Saúde, para essa quantidade de pessoas, é de 4,5.

A desospitalização é uma alternativa para minimizar esse problema no Brasil, cuja população está vivendo cada vez mais e precisando de serviços de saúde.  Para esclarecer sobre os processos do home care e a interface com os hospitais, a S.O.S. Vida está promovendo uma série de eventos com o tema Desospitalização: possibilidades e desafios”. A primeira edição aconteceu no dia 28 de fevereiro, com a participação de profissionais técnicos do Hospital Evangélico da Bahia, em especial os de Enfermagem e Serviço Social.

O ciclo de palestras, que está previsto para acontecer em mais 5 edições, tem por objetivo propagar o conhecimento sobre Home Care e sanar possíveis dúvidas dos profissionais de saúde a respeito do serviço.

Segundo Isabel Passinho, enfermeira de captação da S.O.S. Vida, um dos aspectos mais importantes para a desospitalização é  a participação dos enfermeiros e assistentes sociais. A detecção precoce de casos possíveis de Home Care geralmente é feita pelos profissionais de enfermagem, e o aconselhamento e orientação da família sobre essa possibilidade é  realizada pela  assistente social.

A enfermeira explicou ainda todas as fases que envolvem o processo de desospitalização, direcionado ao Home Care, os critérios clínicos,  tipos de assistências oferecidas (de 24h, 12h, ou 6h, e gerenciamento), as principais barreiras enfrentadas, entre outros pontos essenciais ao procedimento.

Simone Pietrasik, gerente de enfermagem do Hospital Evangélico da Bahia, destacou que a parceria home care – hospital poderá possibilitar melhor gestão do leito hospitalar. Otimizando a assistência, definindo e internando em regime hospitalar ou indicando assistência domiciliar de acordo com perfil e quadro clínico do paciente. “A prática segura é o objetivo de todos os profissionais de saúde, e a realização desse encontro nos proporcionou capacitação, visão diferenciada sobre os benefícios da assistência domiciliar e a importância da intervenção da equipe hospitalar para viabilizar de forma precoce e segura a concretização do processo para Home Care”, pontuou  Simone.

IMG_3578        IMG_3579

IMG_3587        IMG_3615

Empresa Acreditada:

Joint Commission International (JCI)

Empresa afiliada:

Associação Nacional de Hospitais Privados Anahp

Empresa afiliada:

Nead

ONDE ESTAMOS
SALVADOR - BA
Av. Dom João VI, 152, Brotas, CEP: 40.285.001
Salvador - Bahia - Brasil
71 3277 8004
ARACAJU - SE
Rua Itabaiana, 952, São José, CEP: 49.015.110
Aracaju - Sergipe - Brasil
79 3712 7904
BRASÍLIA - DF
SHN Quadra 02, nº 87, Bloco F, Sala 818
Ed. Executive Office Tower – Asa Norte, CEP: 70.702.000
Brasília - Distrito Federal - Brasil
61 3771 5490
© Todos os Direitos Reservados - S.O.S VIDA